domingo, 14 de novembro de 2010

Primeiras impressões do mundo

O anjo ao nascer humano, era pequeno, frágil, e não deixava de parecer com um anjo... cabelos escuros e olhos de girassol... uma menina bonita com um sorriso aconchegante num rostinho tão delicado... mas era um mundo estranho, ao nascer as cores eram turvas, não se via quase nada... depois de nove meses num ventre quentinho, confortável, um tanto barulhento, alimento em fartura e sentindo tanto carinho... o novo mundo era aterrorizante... além do frio.... mas logo encontrou o calor daquela que foi responsável por trazer nosso anjo a esta terra... a mãe... uma mãe carinhosa e sincera que sempre estaria com ela em todos os momentos de sua jornada... até que a desta alma tão doce termine e volte para o lar comum a todos...

A mãe de nosso anjo (que a partir de agora vou mencionar apenas como menina) era professora primária... e sabia que o bebê em seu colo era especial...

Aos poucos a meninha foi descobrindo este novo mundo, conheceu o cheiro do leite que a alimentava, o cheiro e forma das pessoas da família que a acolheu ( pai, irmã), depois conheceu o resto da familia, os sons do ambiente, os cheiros, texturas, cores e sabores.... cada descoberta era uma vitória, alguns meses depois já estava engatinhando pelo chão, foi então que um novo universo se abriu para nossa menininha... os bichinhos que viviam no chão passaram a ser seus conhecidos... e ao aprender a andar... o mundo se tornou maior...

Agora já alcançava coisas que não conseguia ver antes... jogava coisas pela janela do apartamento, ouvia as estórias que lhe contavam, se maravilhava com as figuras que lhe mostravam... e envolta entre tantas letras e números... e não demorou muito para aprender a ler e escrever... abrindo as portas mágicas desta dimensão...

Nenhum comentário:

Postar um comentário